Literatura

Lolo Barnabé de Eva Furnari

Lolo Barnabé, de Eva Furnari

Hoje vou falar dum livro que não veio da escola, mas que foi indicação para acompanhar o tema tratado na apostila: o tempo das cavernas. É, finalmente descobri de onde veio essa pérola aqui!!

Mês passado teve na escola do Giovanne uma feira do livro, e logo aproveitaram o ensejo para vender. (Nessas horas penso: por que raios não dão aula de economia nas escolas??). Enfim, paralelos a parte, preferi comprar online, mais barato, diga-se de passagem, e bem da verdade, acho que o livro não precisava dessa pressão toda para ser comprado. Ele simplesmente tem conteúdo para “se vender” sozinho.

A história é para crianças, e em idade escolar ajuda mais ainda, mas pode ser para os mais novinhos também. A meu ver é uma abstração que mostra o quanto a criatividade pode ajudar se você não tiver mais o que fazer ou estiver cansado da rotina. Lolo é um cara assim, saiu da caverna por achá-la fria, e acabou inventando casa, cama, mesa, escritório e mais uma porção de coisas. E com o passar das invenções percebemos o quanto Lolo (e sua família) são eternos insatisfeitos, pois sempre precisam de coisas novas, e pra melhorar, reclamam quando as antigas não funcionam, nossa, sentiu semelhança com alguma coisa?? Pois assim é a história do Lolo, onde uma coisa vai ligando a outra, e a outra e no final, bem, o final é o final. 😀

Achei legal esse paralelo, pois enquanto você le para a criança, ela consegue traçar semelhanças e ainda inclui mais objetos na criação da coisa. A leitura é super tranquila, e o texto fácil fácil para o entendimento dos pequenos leitores/ouvintes. Além de uma sonoridade que ajuda bastante na leitura em voz alta, coisa que dá até para fazer vozes ou outras interpretações, e claro, a participação do ouvinte acaba também sendo facilitada.

Esse livro é aquele típico caso em que o autor/narrador conversa com o leitor e lança aquela ideia de que ambos estão ali, lado-a-lado. Gosto de livros assim.

Outro facilitador para a leitura, foi o fato da escola ter indicado. Isso deu um novo tom a curiosidade do filhote, pois os amigos estavam também lendo e comentando em sala a mesma história. O livro agora está na escola, espero que volte, e ele está adorando a convivência. Isso sim que é incentivo a leitura. Assim não fica unilateral, e não me sinto mais a louca que enche o filho de livros na esperança de que ele seja um bom (e crítico) leitor.

Fica a indicação:

Título: Lolo Barnabé
Autor: Eva Furnari
Ilustração: Eva Furnari
Editora: Moderna
Páginas: 32

Beijinhos

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.

  • fatima

    essa historiia faz parte da minha infanciia… agora que jah toh adolescentee conto sempree elaa pros meus primos menores… e falo como eu amoo essaa incrivel historiia… “tds estavaam felizes….. mas nem tantoo….” kk

  • daniela

    eu ja gosto da parte que fala que todos estao sentados no quintalreunindo se novamente

  • sabrina

    Eu to fazendo uma reescrita dese livro e muito dificio 🙁 🙂