Literatura

Espíritos de Gelo, de Raphael Draccon

Para o Desafio Literário do mês de agosto com o tema Terror, escolhi uma das sugestões da lista, meio sem saber ao certo em que tipo de terreno estaria entrando: Espíritos de Gelo, de Raphael Draccon, não é bem o que eu chamo de terror, com criaturas fantásticas (ou não) perseguindo o mocinho, porém, ele se enquadra na categoria, por trazer uma tensão psicológica e um drama que apenas os mocinhos conseguem aguentar. Sério. Eu não sei como consegui terminar a leitura, é muita maldade sem sentido para aguentar. A parte prática é que sou curiosa, e queria de todo jeito encontrar a resposta para tanto, e isso, só se consegue lendo até o fim.

Várias vezes pausei a leitura pensando em como o autor desenvolveu essa dupla personalidade, pois não consigo entender como o autor de Dragões de éter tenha escrito algo tão “real”, tão do nosso mundo. O estilo de passar indiretas virou algo mais direto, coisas normalmente relacionadas a problemas corriqueiros, políticos, sociais, pessoais. Quem sabe, algumas soluções podem ser tiradas de onde menos se espera. A ironia toma conta da história, tornando-se um tanto quanto insana.

A motivação da história pode ser encontrada por aqui. Não é bem meu estilo de leitura, mas valeu encontrar essa nova perspectiva, um novo jeito de contar uma história. Interessante sair um pouco do padrão.

“A verdade era que havia acordado em um dia que deveria ter sido como todos os outros e a tal música estava lá, ricocheteando pelas paredes do meu apartamento como uma bola de pinball, servindo de trilha sonora para um despertar solitário na cama de casal. Era um dia chuvoso, e sempre existe algo de melancólico ou poético em se acordar solitário em uma cama de casal em um dia chuvoso.”

Nota 3 (1 – 5) .

Autor: Raphael Draccon
Título: Espíritos de Gelo
Número de páginas: 172
Ano de publicação: 2011

Beijinhos

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.