Literatura

A culpa é das estrelas, de John Green

03.a_culpa_e_das_estrelas

Fiquei tanto tempo sem escrever minhas considerações dos livros que leio, que a quantidade de rascunhos aqui no blog está assustadora, e hoje me assustei ao montar esse rascunho. Como assim março já acabou? Sim, o desafio literário era uma motivação para deixar a escrita e leitura em dia, mas, não posso deixar morrer a primeira motivação que me fez montar o blog: anotar minhas lembranças de leitura, para conseguir lembrar minhas impressões daqui uns anos. Sim, já tive apagões de lembrar que li o livro, ter gostado mas não fazer a minima ideia do que se trata ou o que acontece. Louco isso. Ao menos, ler algumas notas, ajuda um pouco.

Bom, vamos ao livro da vez: A Culpa é das estrelas.

Sinceramente, eu vivo evitando ler os livros da “moda”, não sei, acabo lendo tempos depois, já que ultimamente não tenho conseguido ler de forma antecipada. Porém, resolvi ler esse, mesmo sabendo que vem filme, que todo mundo estava falando, e etc. Bem, não me arrependi. Meu receio foi que a leitura fosse única e exclusivamente para adolescentes, ufa, não é! Apesar dos protagonistas serem adolescentes, a história é para todas as idades. E, logo no comecinho, percebi, que cada livro tem um momento certo para ser lido, e não adianta insistir, forçar ou qualquer outra coisa, a leitura somente flui quando chegou a hora. Assim foi, li muito rápido, e entendi direitinho por que ele ficou paradinho na fila por mais de 6 meses.

A história é bonita, e bem contada, e ao mesmo tempo fico impressionada de quanto as pessoas curtem histórias tristes. Digo, a história é legal, mas nada que eu diga “UAU, não vejo a hora de ver o filme”. Affff, essa não sou eu. Gostei do livro, e só, recomendo para quem estiver reclamando demais da vida, quem sabe, alguns leds se acendem em sua mente e resolva viver ao invés de apenas sobreviver.

“- Alguns turistas acham que Amsterdã é a cidade do pecado, mas a verdade é que ela é a cidade da liberdade. E é na liberdade que a maioria das pessoas encontra o pecado.”

“Tomando lattes – que, nos disse o garçom, eram chamados pelos holandeses de “café estragado” porque tinham mais leite que café -“

“Demos um tom engraçado à história. Até onde eu sei, você pode escolher a forma de contar uma história triste nesse mundo, e nós fomos pela opção divertida…”

Nota 4 (1 – 5) .

Autor: John Green
Título: A  culpa é das estrelas
Número de páginas: 288
Ano de publicação: 2012

Beijinhos

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.