Literatura

Percy Jackson e os olimpianos: o Ladrão de Raios, de Rick Riordan

03-O-ladrao-de-raios

Olha eu de novo com livro de filme.

Dessa vez, não tão empolgada como no anterior, mas bem satisfeita. Vou continuar a leitura da série.

A motivação? Li os outros livros do Riordan, da série as Crônicas dos Kane e pensei, por que não? Sabe, sempre deixei Percy de lado porque eu detestei o filme e também porque não gosto de ler livros que estão em sua fase “oba-oba”.  O filme tem tantas falhas, tantos absurdos mitológicos que senti repulsa automática pelo livro. Grande erro. Eu já tinha pensando que tinha algo errado quando li a outra série, que trata da mitologia egípcia, tanto que adorei e segui lendo a continuidade.

Por que resolvi ler agora? Bem, assisti ao Mar de Monstros, e gostei bem mais. Percebi que ele preenchia algumas lacunas do primeiro filme, e percebi também que alguns personagens estavam com a personalidade bem diferente comparado ao primeiro filme. Coisas estranhas, filme com melhores ganchos, resolvi dar uma chance para o livro 1.

Assisti ao filme 1 de novo também, e continuo achando um lixo. E agora depois que terminei o livro?

Agora eu tenho a impressão que o cara que fez o roteiro tinha sérios problemas, e que se o autor aprovou esse roteiro, com certeza eles estava bêbado ou sob ameaça.

É sério!

Já no início do livro eu não tinha certeza se estava na história certa, no meio do livro eu estava tão entretida e curiosa em saber o que se passaria a seguir na trama que já nem lembrava mais que um dia existiu um filme. Quando Percy chega a trocar ideia com Hades e pensa consigo mesmo que adoraria que Perséfone estivesse ali, que somente ela poderia acalmar o marido, mas que infelizmente isso seria impossível, pois nessa época, as vésperas do Solstício de Verão ela está com a mãe! Eu simplesmente pensei “que raios é aquilo que gravaram e disseram que era baseado no livro 1 de Rick Riordan?”

Adorei a história, faz todo o sentido e quero esquecer que vi aquele filme um dia. Vou seguir com a série, acredito que como gostei mais do filme dois que ele seja mais fiel, e se não for também…

Pense num livro sem Medusa highstyle, sem Hades roqueiro, com fúrias, com náiades, com nereidas, com Equidna e Quimera, e com um vilão diferente! Sim, esse é o livro, uma história totalmente diferente da do filme, e quando digo totalmente, é isso mesmo. O filme não quis ser spoiler do livro, essa é a única explicação, e na tentativa de ser uma história diferente, saiu da essência e cometeu várias gafes. Agora, depois de ler o livro 1, o filme 2 fez todo o sentido para mim.

Super recomendo o livro, e vou continuar com a sequencia. 🙂

“Dentro havia roupas limpas para todos nós, vinte dólares em dinheiro, uma bolsa cheia de dracmas de ouro e uma embalagem de biscoito Oreo recheado.”

“- Poluído – disse Caronte. – Há milhares de anos vocês, seres humanos, quando o atravessa, jogam tudo nele… esperanças, sonhos, desejos que jamais se tornam realidade. Um modo irresponsável de tratar seu lixo, se querem saber.”

Nota 5 (1 – 5) .

Autor: Rick Riordan
Título: Percy Jackson e os olimpianos: o Ladrão de Raios
Número de páginas: 332 (epub)
Ano de publicação: 2005

Beijinhos

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.