Literatura

A Velha Casa na Colina, de Fábio M. Barreto

 Quando li este conto, no comecinho do ano, estava super ansiosa com o que iria encontrar e não me arrependi nem um pouco.
Este conto nasceu de uma brincadeira, onde os presentes falam as palavras que devem pertencer a história e o tema é definido. A Velha Casa na Colina é um conto de terror, nível leve claro, pois você não irá ficar paranoico ou vendo sombras te seguirem por onde quer que vá, porém, vale uma diversão, a narrativa é bem estruturada e te motiva a criar as suas próprias histórias. Tanto que, inspirados nele, passamos a dar ao Giovanne pequenos desafios como esses. Vou dizer, saíram algumas pérolas, um dia eu conto.
Como a história é bem curtida, qualquer coisa que eu sair falando, pode virar um spoiler, então, falando bem por cima, o mocinho mora numa cidade interiorana, onde, claro, existe uma casa na colina, e por consequência, existe a lenda de que ela é amaldiçoada. Coisas acontecem, o menino cresce e vai para a cidade grande, que fica bem longe, e ele tenta esquecer tudo que viu, porém, para termos a história, algo acontece e ele volta. Óbvio, falando desse jeito, mas bem, é isso, o roteiro de qualquer história, o recheio que o autor coloca que vira a cerejinha ou moranguinho do bolo. Vai do seu gosto se você curte morangos ou cerejas ou, os dois.
Nota 4 (1 – 5) .
Autor: Fábio M. Barreto
Título: A Velha Casa na Colina
Número de páginas: 43 (epub)
Ano de publicação: 2014

Paz e bem.

 

 

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.