Literatura

Desventuras em Série – O Hospital Hostil, de Lemony Snicket

Oitava desventura e seguindo! Desta vez as crianças estão por conta, nem o Sr. Poe sabe ao certo aonde eles estão, e se for depender de acompanhar as notícias pelo jornal, ficará aterrorizado.
Após a derradeira situação na Cidade Sinistra dos Corvos, as crianças acabam fugindo, e continuam sem saber o que é CSC, ou ao menos conversar com seus amigos, que parecem conhecer o segredo. Se a coisas continuam difíceis, não é novidade, é fato que não teremos mesmo nem um tantinho de final feliz.
E o mais inusitado é de como eles decidem que vão resolver a situação. Algo do tipo “não tem como dar certo mesmo.”
“Há muitas coisas neste mundo que eu não sei. Não sei como as borboletas saem dos seus casulos sem danificar as asas. Não sei por que alguém haveria de cozinhar legumes se eles ficam mais gostosos assados. Não sei como fazer azeite de oliva, não sei por que os cães latem antes de um terremoto, e não sei por que algumas pessoas optam voluntariamente por escalar montanhas onde o ar é gelado e fica difícil de respirar, ou morar no interior, onde o café é aguado e toas as casas são parecidas. Não sei onde as crianças Baudelaire estão agora, se estão em segurança, ou mesmo se estão vivas.”
Autor: Lemony Snicket
Título: O Hospital Hostil
Número de páginas: 232
Ano de publicação: 2004

Beijinhos

Criatura da área de exatas que ama ler e estudar além de esconder-se na bolha. Típico né? Apenas buscando um lugar discreto e elegante ao sol. Programadora web, leitora compulsiva, ama o belo e exótico, apreciadora de uma boa música.